18/12/2014

Evento esportivo deixou legado nas telecomunicações e na ciência.

A Copa do Mundo realizada no Brasil este ano trouxe uma série de novidades a avanços tecnológicos no País. A modernização não se restringe apenas aos estádios bem mais bonitos e seguros, mas também à melhora em serviços como telefonia e internet. Relembre a seguir qual foi o principal legado tecnológico e científico do torneio para o Brasil.

Telefonia e internet

Um dos maiores avanços trazidos pela Copa do Mundo foi uma melhora nas redes de telefonia e internet. Em entrevista à Agência Brasil, o presidente do Sindi Telebrasil, Eduardo Levy, disse que o torneio deixou um importante legado para as telecomunicações do Brasil.

Ele explica que a infraestrutura das operadoras nas cidades-sede teve um aumento médio de 28% entre 2013 e 2014. O investimento apenas nestas cidades foi de R$ 1,3 bilhão. Mais de 15 mil novas antenas 3G e 4G, 120 mil pontos de Wi-Fi e 10 mil km de fibra ótica foram instalados para o período.

- Além disso, cumprimos no dia 31 de maio as obrigações de atender com 4G 80% da área de capitais e municípios com mais de 500 mil habitantes.

Todas as melhorias feitas para o evento podem ser aproveitadas pelos consumidores. O diretor de operações da Solver-System e especialista em infraestrutura de TI, Cesar Viera, explica que os progressos podem diminuir o número de problemas de internet no futuro.

- A garantia dada pelas companhias que prestam o serviço é de 25 anos de fibra óptica. É um legado que vai ficar para todo mundo.

Este ano, o R7 também conferiu a qualidade dos novos pontos de Wi-Fi grátis em São Paulo. A prefeitura havia prometido entregar 120 pontos de Wi-Fi grátis até a Copa do Mundo. No entanto, até a abertura do evento, apenas dez estavam em operação.

Fonte: R7