20/11/2014

O uso da opinião de usuários em comercial de uma das operadoras, que elogiam a qualidade do sinal e velocidade de internet; e as ofertas e promoções de planos de assinatura com desconto foram apontados como as principais razões para o aumento da satisfação dos consumidores com as telecomunicações, medida pela ESPM. A avaliação positiva subiu em 2,3 pontos percentuais na comparação com setembro, elevando o índice para 34,6%.

O Índice Nacional de Satisfação do Consumidor (INSC) geral fechou outubro com alta de 2,1 pp, passando de 55,5% em setembro para 57,6% no mês passado, segundo a universidade.

De acordo com Cauê Saraiva, diretor da webSensus, empresa de pesquisa digital do Omnicom Group responsável pela operacionalização do INSC, “esta é a segunda vez em doze meses que o índice deste setor supera os 30%. Historicamente, ele tem se mantido na casa dos 20%, mostrando como os usuários avaliam a prestação destes serviços no País”.

Primeiro e único indicador brasileiro com dados totalmente levantados na internet, o Índice Nacional de Satisfação do Consumidor foi lançado em maio de 2011 e hoje analisa o que pensam os consumidores sobre 92 empresas de 23 setores da economia.

Fonte: Telesíntese