19/11/2014

O secretário de Telecomunicações, Maximiliano Martinhão, defendeu hoje, durante audiência na Câmara dos Deputados, a aprovação de emenda que propõe ampliar a desoneração do Fistel para small cells.

Atualmente, apenas as fentocells (estações rádio bases com capacidade de transmissão de apenas 1 watt) pagam menos Fistel (Fundo de Fiscalização das Telecomunicações), por iniciativa da Anatel, que classificou esses equipamentos como de “radiação restrita”. Mas essas células só podem ser usados dentro das residências, e as operadoras querem usar essas pequenos equipamentos também em suas redes externas.

Assim, pleiteiam o pagamento de menor imposto para células de até 5 Watts. E esta posição conta com o apoio do Ministério das Comunicações, conforme defendeu hoje Martinhão.

Fonte: Telesíntese